Beto Mansur discute melhorias no sistema portuário e terminal pesqueiro de Santos

O 1º Secretário da Câmara se reúne com os ministros Edinho Araújo (Portos) e Hélder Barbalho (Pesca) para debater projetos de interesse da população da Baixada Santista 

Brasília, 31 de março – Acompanhado do prefeito de Santos (SP), Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), o deputado Beto Mansur (PRB/SP) se reuniu na manhã desta terça-feira, 31, com dois ministros de estado para tratar com eles assuntos relacionados à melhoria das condições de vida da população da Baixada Santista. Na Secretaria Especial de Portos, Mansur debateu com o ministro Edinho Araújo a viabilidade da proposta da Prefeitura com empresários locais que prevê o aprofundamento do canal de navegação do Porto de Santos nos próximos dois anos.

No Ministério da Pesca e Aquicultura, Beto Mansur, que também estava acompanhado do deputado Baleia Rossi (PMDB/SP) e de vereadores de Santos, discutiu com o ministro Hélder Barbalho a modernização do Terminal Pesqueiro Público de Santos (TPPS), localizado em um terreno de 30 mil m², hoje pertencente à União, e que precisa de melhorias. No projeto da prefeitura, está prevista a construção de um edifício de 1.200 m² para alojamento e treinamento dos pescadores, além de restaurantes, deck, instalação da Rua e do Mercado de Peixe, entre outras intervenções.

A proposta da Prefeitura em relação ao Porto de Santos, batizada de Santos 17, tem a finalidade de garantir o aprofundamento para 17 metros do canal de navegação em toda a extensão santista até o ano de 2017. Com isso, espera-se um incremento contínuo no nível de competitividade do Porto de Santos para torná-lo estratégico em logística portuária – uma espécie de hub port regional – garantir assim a redução do Custo Brasil.

“Vamos, no dia 9 de abril, realizar uma audiência pública para discutir a concessão da dragagem do porto”, anunciou o ministro Edinho Araújo (Portos), ao deixar a reunião com Beto Mansur e o prefeito Paulo Alexandre. De acordo com o ministro, a obra é fundamental para o Porto de Santos continuar ser referência em competitividade em termos de importação e exportação.

Araújo também elogiou a iniciativa de Mansur, do prefeito e dos empresários santistas de lutarem, juntos, pela melhoria do sistema portuário da cidade. “É uma demonstração de que eles estão sempre atentos aos interesses do povo da Baixada Santista”, acrescentou o ministro dos Portos.

Para Mansur, o aprofundamento do calado do Porto de Santos em até 17 metros é extrema importância para torná-lo no maior hub port de qualidade da América do Sul. “Assim, Santos passará a ser um porto estratégico para todo o Cone Sul”, explica. A ideia é que o Porto de Santos receba mercadorias de todos os países latino-americanos e as reexporte. Beto Mansur também acrescenta que a melhoria das obras é aguardada com grande expectativa pelos empresários e governos locais.

Terminal pesqueiro

Sobre a audiência com o ministro Hélder Barbalho (Pesca), Beto Mansur a classificou de “muito proveitosa”. Disse que Barbalho se inteirou da proposta e garantiu envidar esforços no sentido de acelerar a modernização do Terminal Pesqueiro Público de Santos, obra esta que trará inúmeros benefícios à cidade, notadamente para o setor pesqueiro e turístico.

Já o prefeito Paulo Alexandre disse que ao levar o projeto ao Ministério da Pesca, a sua intenção foi unir os governos estadual e federal num projeto de requalificação do local, onde será possível construir mercado para a comercialização de peixes, museus, entre outras benfeitorias. Para o ministro Barbalho, a obra será uma grande parceira com a Prefeitura e a população de Santos só tem a ganhar. Ele ainda sinalizou que a construção será realizada num curto espaço de tempo.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Primeira Secretaria da Câmara

http://www.prb10.org.br/index.php

Comentário(s)

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.