Aprovada proposta de Tia Eron para acrescentar nomes de mulheres negras no livro dos Heróis da Pátria

 

tia eronO Projeto de Lei 3088/2015 da deputada Tia Eron (PRB-BA) foi aprovado, nesta quinta-feira (27), na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) da Câmara dos Deputados. A proposta determina que os nomes das líderes negras Dandara dos Palmares e Luiza Mahin, que lutaram pela abolição da escravatura, sejam escritos no Livro dos Heróis da Pátria.

Na avaliação da republicana, mesmo com os avanços contra o preconceito e o racismo, essas práticas ainda existem e, quando associadas à discriminação em relação às mulheres, prejudicam ainda mais a democracia e a cidadania. “A luta do povo negro e a sua resistência sofreram tentativas sucessivas de serem apagadas das páginas da história oficial. Não se pode ignorar quase quatro séculos de escravidão no Brasil. Tudo isso culminou no esquecimento das nossas heroínas negras nas comemorações cívicas e nos livros escolares”, disse.

Tia Eron explicou que seu propósito com o PL tem valor simbólico de reparação e de reafirmação negra e feminina, na medida em que representa o reconhecimento oficial da sua existência e da relevância de seu papel histórico.

Livro dos Heróis

Livro dos Heróis da Pátria, depositado no Panteão da Pátria e da Liberdade Tancredo Neves, destina-se ao registro perpétuo do nome dos brasileiros ou de grupos de brasileiros que tenham oferecido a vida à Pátria, para sua defesa e construção, com excepcional dedicação e heroísmo.

Texto: Fernanda Cunha – AScom da Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes – Ascom da Liderança do PRB

Comentário(s)

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.