Roberto Sales é homenageado com a Medalha Tiradentes

unnamedRio de Janeiro (RJ) – A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro agraciou o deputado Roberto Sales, na segunda-feira (19), com a Medalha Tiradentes. A homenagem foi proposta pelo deputado estadual e médico, Dr. Deodalto. A cerimônia contou com cerca de 200 pessoas, entre familiares, vereadores, lideranças e amigos.

Deodalto destacou a determinação de Sales diante de seu histórico de vida, diante das várias situações adversas, vindo de família humilde, e ainda tão jovem, ser submetido ao transplante do rim, recebendo a doação de um parente vivo: seu pai, que na época tinha 74 anos, e logo após quatro anos ter vencido nas urnas com mais de 124 mil votos.

“A experiência que Sales atravessou, fez compreender o sofrimento daqueles que dependem de um transplante de órgãos e de nosso serviço de saúde. Como deputado federal, busca aumentar o número de transplantes e de doadores de órgãos no país e luta por melhores condições de tratamento de saúde. Aproveito, ainda, para destacar o relevante trabalho do parlamentar quando foi secretário da Pesca em São Gonçalo, onde melhorou as condições de trabalho e direitos dos profissionais da pesca, como também a criação do Projeto Mercado de Peixe e Complexo Pesqueiro no Município”, disse Deodalto.

Sales destaca que a homenagem do Legislativo do Rio de Janeiro reconhece sua atuação no Congresso Nacional. “É uma honra muito grande receber hoje desta Casa, que representa o povo fluminense, a Medalha Tiradentes e o respectivo diploma. Compartilho esta homenagem com minha mãe, irmãos, minha esposa Elisa Sales, e não deixando de mencionar e agradecer ao meu pai (Ari Sales), pois vejo meu mandato como uma concretização de seus sonhos. Meu pai foi a pessoa que me doou o rim e me permitiu nascer de novo. Não tenho nenhuma dúvida de que o meu mandato se faz em razão dele, e para ajudar muitos outros brasileiros que ainda trilham na espera da doação de órgãos”, descreveu o deputado do PRB.

O republicano apontou, ainda, que investe seu mandato na bandeira da saúde, em especial a de doação de órgãos. Outra defesa de Sales também tem sido a da prematuridade, desde que sua filha nasceu ano passado com apenas 500 gramas. “Onde houver um hospital neonatal, irei encaminhar recursos para aquisição de respirador de alta frequência, pois foi graças a Deus e a esse respirador que minha filha conseguiu sobreviver”, destacou Sales.

Outra homenageada foi a nefrologista, Dra. Deise Rosa de Boni, que realizou o procedimento de transplante de Roberto Sales. Juntamente com seu esposo, Sergio Monteiro de Carvalho, a médica trouxe o pioneirismo para o Rio de Janeiro ao criar o setor de nefrologia de transplante renal do Hospital Geral de Bom Sucesso.

Texto e foto: Ascom do deputado Roberto Sales

Comentário(s)

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *