Bulhões reforça a necessidade de combater disseminação de notícias falsas

PRB (B) 2015_03_03-1924Brasília, 27 de fevereiro – O deputado republicano Antonio Bulhões (PRB-SP) alerta sobre a necessidade de combater as notícias falsas “fake news” no Brasil, sobretudo em ano eleitoral. Na avaliação do parlamentar, o acesso à informação de qualidade é uma das condições para o exercício da cidadania e o aumento dessas notícias pode influenciar disputas eleitorais.

“Poucos temas foram tão discutidos nos últimos anos, em todo o mundo, quanto o crescimento das fake news. Os especialistas afirmam que elas sempre existiram, mas também concordam que em nenhum momento tiveram tanto alcance como agora, atingindo grandes parcelas da população mundial. O crescimento das redes sociais e dos programas de computador destinados a impulsionar notícias na internet tornou a difusão de notícias falsas mais fácil”, destaca Bulhões.

O deputado lembra, ainda, que em busca de benefícios políticos ou mesmo de lucro econômico, multiplicaram-se as páginas que veiculam matérias falsas com aparência de notícias jornalísticas. “As últimas campanhas às presidências dos Estados Unidos e da França, assim como o plebiscito sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, são exemplos de pleitos recentes em que notícias falsas tiveram grande repercussão. Daí a urgência de discutir esse tema no Brasil, neste momento em que as eleições se avizinham”.

Bulhões defende uma legislação específica para agilizar o julgamento de casos que infrinjam a lei eleitoral. “Vejo com bons olhos a recente iniciativa do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de criar um conselho consultivo e um grupo de trabalho para abordar o tema das fake news. Uma das ideias discutidas pelo grupo, conforme nota da imprensa, é criar um validador de notícias. Dessa forma, coligações e partidos que se julgarem alvos de conteúdos falsos poderiam acionar o Tribunal em busca de reconhecimento oficial quanto à falsidade de uma notícia”, explica.

O republicano acredita que, além de combater a manipulação de informações e a disseminação de notícias falsas, devemos buscar a qualificação do debate público.

Texto: Ascom do deputado Antonio Bulhões
Foto: Douglas Gomes

Comentário(s)

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.