Rosangela Gomes e Eduardo Lopes são homenageados na Câmara de Duque de Caxias

rOSANGELANa última segunda-feira (09), a Câmara Municipal de Duque de Caxias reuniu autoridades políticas e policiais para debater a questão da violência e a intervenção federal na Baixada Fluminense. Na ocasião, deputada Rosangela Gomes foi condecorada com a medalha Duque de Caxias.

A iniciativa do evento foi da vereadora Leide (PRB) e contou ainda com entrega de comendas a personalidades que lutam em prol da segurança pública. Em sua fala, Rosangela Gomes agradeceu pela homenagem e falou sobre o tema proposta na câmara de vereadores.

“A violência não vai acabar apenas com polícia atrás de bandido, falar de segurança pública é falar também de disciplina. Precisamos combater violência com educação de qualidade, esporte, cultura, inclusão e emprego. A intervenção federal é fruto do clamor da bancada federal ao governo porque estávamos cansados de ser vítimas, sei que esse trabalho não vai resolver todos os problemas, mas o momento pedia isso. Não dá para policial enfrentar fuzil com revólver 38, viaturas sucateadas e salários atrasados”.

O senador Eduardo Lopes, que é o relator do decreto da intervenção federal, também recebeu a homenagem e aproveitou o evento para dizer que tem cobrado ações mais efetivas da intervenção e deu mais detalhes da ação. “Não abro mão de defender e lutar pelo nosso Estado, fui relator da intervenção e tenho cobrado de forma efetiva os resultados desse ato ao governo federal. No primeiro mês da intervenção os índices de violência pioraram, o Senado criou uma comissão externa para acompanhar a intervenção, nós queremos resultados. Participei de uma reunião com o gabinete do interventor, onde se falou de uma verba de R$ 1,2 bilhão e um mês depois esse dinheiro ainda não tinha sido destinado, 62 operações foram canceladas por falta de recursos. Sigo acompanhando e fiscalizando todo andamento da intervenção federal no Estado”.

Texto e Foto: Ascom da deputada Rosangela Gomes (PRB-RJ)

Comentário(s)

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.